Voluntários limpam mais 45 toneladas de lixo em baía nas Filipinas em apenas um dia

11/02/2019

O governo das Filipinas iniciou um processo de reabilitação da baía de Manila, uma das águas mais poluídas daquele país. Com o auxílio da população, que se voluntariou para ajudar na limpeza do local, foram retiradas da praia 45,59 toneladas de lixo apenas no primeiro dia de trabalho dos voluntários.

A praia de Manila há muito tempo vem sofrendo com um sério problema de contaminação da água. O mar tem cor de chumbo e está abarrotado de plástico. Ao longo da baía, estão abrigadas mais de 220 mil famílias, que vivem em moradias irregulares.

O plano de reabilitação da região, de 190 quilômetros de costa e 1,7 hectares de superfície, uniu voluntários, funcionários do governo, agentes das Forças Armadas e da polícia. “É uma batalha que não será vencida pela força, mas com a firme vontade de devolver a vida à baía de Manila, com o empenho e determinação de cada filipino de contribuir neste esforço”, declarou o secretário de Estado do Meio Ambiente das Filipinas, Roy Cimatu.

Além do processo intenso de limpeza da praia, o governo implantou novas normas ambientais para os hotéis, centros comerciais e instalações recreativas e turísticas na baía, obrigando-as a controlar sua emissão de resíduos na praia.